2008-12-02

Vou ter um bebê...e agora?

Até que demorou, eu bem que previa esse dia mas ele nunca chegava, eu consegui passar 6 meses no clima de oba-oba, achando tudo lindo e mágico até que de repente eu olhei pra minha barriga que nem de longe lembra a barriga de antes e pensei: Caraca eu vou ter um bebê! E agora? pânico total. E se eu não souber cuidar dela? afinal eu nunca cuidei de um bebê, e se eu virar aquelas mulheres cujo único assunto que sabem conversar é sobre os filhos? e se a minha nova vida fazer eu sentir falta da velha? E se meu instinto maternal não for o suficiente para entender o que se passa com minha filha?
E foi envolvida por essa nuvem de dúvidas, medos e inseguranças que eu passei a minha tarde de ontem, chorando horrores e torcendo ardentemente para que a maioria dos meus receios sejam infundados e que o amor que eu já sinto por ela faça com que eu saiba o que fazer quando ela chegar.

|


9 : Adicione seu Ingrediente (Blogger):

angel red disse...

Fique calma. Vc saberá. Isso é normal é uma grande responsa ser MÃE, mas confie no tal instinto materno ele não falhará.
Bjoks

Carolzita! disse...

AHhh Cin, eu acho que vc saberá agir sim e muito bem. Existe um trequinho que toda mulher tem "instinto materno".

Beijo

:: Fatima :: disse...

Engracado vc dizer isso agora!
Mas foi exatamente o que aconteceu com minha irma,ela tá gravida de 8 meses,passou durante todos esses meses em clima de oba-oba,assim como vc,e só agora ela fez essa pergunta pra sim mesma!Ta morrendo de medo e muito anciosa,ao mesmo tempo que ta louca pra chegar a hora,ela fica axando que não devia chegar nunca!


Mas calma mamãe.
Deus não dar uma carga que seu filho não possa carregar!

Bjos e felicidades!

regganata disse...

Olá adorei o seu blog,mto legal,olha eu sou casada a 4 anos e sonho em ter um filho,não vejo a hr desse dia chegar,parabéns viu e sorte pra vc na hr do parto...
Ah amei o nome do blog tb,tenho quase certeza que foi inspirado no nosso grande Cazuza eu adoro...
Quem sabe nós podemos formar uma parceria e nos linkar?!
te convido a conhecer meu blog tb,espero sua visita.

http://regganata.wordpress.com/

Abraços.

lyS disse...

Eu passei por isso!!! E agora com o nascimento do Samuel eu vi que tudo nao passa de grilos. E verdade que ter filho longe da familia e complicado (eu sou sozinha aqui no Canada, passo meus dias sozinha com meu filho e qdo da um desespero penduro no telefone com minha mae).
Uma coisa eu posso te dizer: a amamentacao nao e uma coisa obvia, eu sempre esperei por esse momento e agora que tenho que dar de mamar a cada 3 horas, vejo que nao uma terefa simples, requer tempo, cuidado. Mas a maternidade e maravilhosa!!!

Janaina disse...

Ahhh pensa só na delícia que vai ser segurar um serzinho todo frágil e lindo que só precisa de você para viver.
Vai dar tudo certo.
:*

Jac C. disse...

Kkkkkkkkk... é a lei natural do caiu a ficha.
Nesta fase eu pensava sobre a hora do parto.
Sabe qdo me dei conta de que não estaria brincando de boneca?
Qdo fui buscar minha filha no berçário e ao vê-la disse pro meu marido:
_ Nossa, sou mãe da Júlia. E agora?
Rssss... a Júlia já está com 10 anos.

Vai dar tudo certinho, esquenta não que a gente aprende nem que seja na marra...rs

Bjs

De Asas dos Sentimentos
http://abcdejac.blogspot.com

Si♥ disse...

Oi!!!
É bem assim mesmo, chega um momento que bate um medo daquilo que não sabemos, como vamos reagir a determinadas situações.
Mais te digo, depois que nasce, nós criamos uma força que desconhecemos e aquele medo passa e vc se sente mais forte, mais responsável...e olha a gente consegue fazer coisas que até nós mesmo não acreditamos.
Tudo vai dar certo!!!
Beijão
Si♥

Jordie Nilla disse...

Artigo muito bom, como sempre. Ele merece a despertar comentário.
voyance par mail gratuite