2009-01-15

CRIA

(Maria Rita)
Crescendo foi ganhando espaço
Pulou do meu braço
Nasceu outro dia e já quer ir pro chão
Já fala mãe, já fala pai
Já não suja na cama
Não quer mais chupeta
Já come feijão
E posso até ver os meus traços nos primeiros passos
Tropeça e seguro e não deixo cair
Se cai, levanta, continua
A porta da rua fechada
Criança não deixo sair
Da linha, da linha

Reflexo no espelho leva à emoção
A lágrima ameaça do olho cair
Semente fecundou
Já começa a existir

É cria, criatura e criador
Cuida de quem me cuidou
Pega na minha mão e guia.


|


8 : Adicione seu Ingrediente (Blogger):

angel red disse...

Linda música não a conhecia. Seu instinto maternal cada vez mais forte. Fique bem. Bjoks

Jazz disse...

tem uma mais legal

"vem pra misturar, juízo e carnaval, vem sair da solidão"

FeLIz!

tudo a ver também né?

Geminiana Doce disse...

Adorooo Maria Rita e essa música também...
TDO BEM POR AI??
Bjos e Luz

Jaya disse...

Ai, Cin!
(:

Que letra linda.
Me conta, como estão vocês duas, hein?

Te beijo, com carinho.

[Saudades].

julio.de.castro disse...

minha avó sempre dizia "aiai, o trabalho de parto nunca termina"

Rebecca Garcez. disse...

Adorei a letra e o blog.

Visitarei mais.

Beijos.

Edna Federico disse...

Passando pra deixar beijo

Arianne Arianne disse...

Parabéns a todos aqueles que assistem para o sucesso deste blog lindo !!
voyance gratuite par telephone